TUDO ACEITA E NADA MERECE

quarta-feira, 9 de julho de 2008

Desculpas

Quando um governo se desculpa com a crise internacional para justificar o baixo (baixíssimo) comportamento da nossa economia permite-nos pensar que - nas poucas vezes - em que as coisas correm bem, tal se deve, não às suas qualidades, mas ao bom andamento da economia internacional. Assim sendo acabe-se com o nosso governo. Fica mais barato e os portugueses, na mesma ao sabor das andanças internacionais, até têm quem menos os chateie.

2 comentários:

Zé Costa disse...

Bem observado Companheiro, o que terá o primeiro a dizer sobre o tema?.

Zé Costa

Joana Nicolau disse...

O primeiro não sei, mas eu achei muita piada (e bastante razão) ao Prof. Medina Carreira, na entrevista à sic noticias:

http://sic.aeiou.pt/online/scripts/2007/videopopup2008.aspx?videoId={1D4B7A66-F406-41EC-A76B-F85F44E18D3C}